Solicitar reparos na iluminação pública

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

VISCONDE DE MAUÁ RECEBE ESTRADA PAVIMENTADA, URBANIZAÇÃO E CENTRO DE TURISMO


Estão previstas ainda a criação de quatro mirantes, urbanização das vilas de Maringá, Maromba e Lote-10, e melhorias no Parque Nacional do Itatiaia




A região de Visconde de Mauá, em Resende, situada em uma área de preservação ambiental da Serra da Mantiqueira no Sul do Estado do Rio, recebeu, na última sexta-feira (12/12), mais um trecho pavimentado da RJ-151, numa extensão de 8,9 quilômetros no sentido Mauá, até a localidade conhecida como Ponte dos Cachorros (entre os quilômetros 7 e 16). As intervenções foram feitas pelo DER (Departamento de Estradas de Rodagem), com recursos próprios no valor de R$ 2 milhões.





O Governo do Estado finalizou ainda, na região, um moderno Centro de Turismo e Artesanato e a urbanização completa da Avenida Wenceslau Braz, a principal do distrito, situado em uma área de preservação ambiental da Serra da Mantiqueira, no Sul Fluminense. A obra do centro foi realizada por intermédio da Secretaria de Obras, com recursos do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), no valor de R$ 3,5 milhões.

O Centro de Turismo e Artesanato vai atender ao crescente fluxo de turistas e às necessidades da comunidade de Visconde de Mauá. A estrutura, composta por três edificações, num total de 990 metros quadrados, é um equipamento de uso múltiplo. No primeiro prédio, há um auditório com 84 lugares, dotado de plateia, palco e hall de acesso. Em anexo, há um camarim, banheiros masculino e feminino, área de circulação e acessos.

No segundo prédio do Centro de Turismo e Artesanato, há uma sala de exposição no térreo, central de informação ao turista, banheiros e setor de equipamentos. No segundo piso, estão três salas para abrigar os serviços de gestão territorial, municipal, estadual e federal. No terceiro bloco, ficam as oficinas de artesanato, de escultura, de pintura e uma biblioteca com salão principal e mezanino.

O projeto contemplou também a urbanização da Avenida Wenceslau Braz. A via, foi pavimentada com paralelepípedos e ganhou calçadas, meios-fios, um canteiro central, e iluminação pública.


Outros investimentos
O Programa de Desenvolvimento do Turismo da Secretaria de Obras já investiu R$ 65,9 milhões na implantação da primeira estrada-parque do estado, com a pavimentação de trechos da RJ-163 e da RJ-151, entre Capelinha, em Resende, e Vila de Maringá, em Itatiaia, passando por Visconde de Mauá. Com estas obras, o percurso da Via Dutra aos distritos foi reduzido em mais de uma hora e meia.



Está previsto ainda um investimento de mais de R$ 13 milhões na adequação ambiental e criação de quatro mirantes entre Capelinha e Visconde de Mauá (R$ 1,8 milhão); na urbanização do Lote-10, em Visconde de Mauá (R$ 2,7 milhões); na urbanização das vilas de Maringá e Maromba, em Itatiaia (R$ 5,1 milhões); e no aparelhamento do Parque Nacional de Itatiaia (R$ 3,5 milhões).



- São obras que se tornaram urgentes para atender a esta crescente demanda turística, além de facilitar o deslocamento da população local - explicou o secretário de Obras, José Iran Peixoto Junior.


Fonte: Subsecretaria de comunicação Social - GOV RJ

Um comentário:

  1. Oi! Eu não vi o centro de turismo. Será que é aquele prédio abandonado em obras? Também não existe o portal É tudo em powerpoint. Cadê?

    ResponderExcluir